Considerações Gerais da Coleta de Cordão Umbilical

Há quanto tempo a ciência vem utilizando o sangue de cordão umbilical como fonte de células-tronco?

O uso das células-tronco vem desde 1968, quando começou a se falar de transplante de medula. Este nada mais é que um transplante de células-tronco do adulto, isto é, retiradas da medula óssea de alguém sadio para uso de algum paciente compatível. Devido à dificuldade de compatibilidade (são necessárias 1.000.000 de amostras para se achar uma compatível), este procedimento se torna difícil e demorado. As células-tronco do sangue do cordão umbilical começaram a ser usadas em 1988 na França. Devido a sua facilidade de obtenção, disponibilidade imediata e maior compatibilidade fazem do cordão umbilical hoje a principal fonte de células-tronco em uso. Para que alguém da população em geral ache um cordão compatível, bastam 12.000 amostras.

Porque coletar as células-tronco do sangue do cordão umbilical?

As células-tronco do sangue do cordão umbilical tem o menor custo benefício entre as outras fontes de células-tronco (dez vezes menos que a coleta da célula-tronco do adulto); sua coleta não é invasiva, isto é, não afeta o bebê ou a mãe, e tem DISPONIBILIDADE IMEDIATA, como grande fator de vantagem, pois se houver necessidade de um transplante não dependerá de se localizar um doador compatível. É sabido que as células-tronco do sangue do cordão umbilical tem uma atividade 8 vezes maior que as células-tronco do adulto retiradas da medula óssea.

A Maternidade cobra algum valor pela coleta?

Todo material da coleta é fornecido através de um KIT pelo CCB, portanto não pode ser cobrado pela maternidade. Os médicos e coletores nada cobram dos pais por este procedimento.

Quando é que os pais devem se decidir?

Por ser um procedimento onde pode existir urgência (prematuridade do parto), o ideal é manter um contato conosco um mês antes da data provável do parto. Em casos de urgência, basta nos telefonar (24H) que sempre será enviado um profissional para o local da coleta. Para quem quer adiantar os pagamentos, o contato deve ser feito logo após a confirmação da gravidez.

O que acontece se meu parto antecipar ou nascer de madrugada?

Entre em contato com o CCB através de nossos telefones de urgência, e enviaremos uma enfermeira especializada de nossa equipe para a coleta, que fica de plantão 24H.
Telefones de emergência para coleta:
- Telefone 01: (11) 99991-9825
- Telefone 02: (11) 99991-9659
- Telefone 03: (11) 99507-4317 
- Telefone 04: (11) 99508-6782

Como são identificadas as amostras com células-tronco no CCB?

Cada sangue de cordão que chega ao CCB para ser processado e estocado recebe um número de identificação único, que é anexado a bolsa de transferência e a bolsa criogênica. Esta identificação é dupla, em etiqueta metálica com código de barras e em escrita manual com caneta criogênica para resistir ao congelamento. Dentro dos contêineres, as amostras são administradas através de um programa específico de computador, fornecido pela mesma empresa que fornece os contêineres e o nitrogênio líquido. Este programa tem dois tipos de backup, que garantem a continuidade das informações.

Há quanto tempo o CCB tem estocado sangue e tecido do cordão umbilical?

O CCB está aberto para o público desde setembro de 2004. As células-tronco do tecido do cordão umbilical e da polpa dente de leite começaram a ser coletadas em 2013 através de uma tecnologia exclusiva desenvolvida e patenteada pelo CCB.

Se o cliente preservar as células-tronco do cordão umbilical de um filho deve fazer o mesmo com o seguinte?

Com relação às células-tronco do sangue, cada filho tem um perfil genético único e a probabilidade de irmãos serem perfeitamente compatíveis é de 1 para 4. Isto inclui também os consanguíneos, como pais e avós. A chance destas células serem utilizadas com sucesso em pessoas de sua família são muito maiores (70%) do que as de um doador sem nenhum parentesco. As células do tecido do cordão e da polpa do dente de leite são imunocompatíveis, isto é, podem ser usadas por toda família sem teste de compatibilidade.

Se o CCB fechar, o que acontecerá com as células-tronco armazenadas?

Se isto acontecer um dia... As células-tronco armazenadas no CCB serão transferidas para outro banco de sangue de células-tronco autólogo, que continuará mantendo-as em perfeitas condições, pois os contêineres permitem uma lacração e transporte, sem qualquer dano às células-tronco lá armazenadas.

O que acontece se o cliente parar de pagar a manutenção?

Após dois anos sem pagamento de manutenção, e sem condição de localizar os responsáveis pela amostra, o material criopreservado será desprezado, de acordo com as normas vigentes.

Se a gestante estiver grávida de gêmeos?

Se forem univitelinos, será feita uma única coleta para os dois. Se forem de bi vitelinos, serão feitas duas coletas.

Caso o cliente queira antecipar o pagamento da manutenção, terá algum desconto?

Entre em contato com nossa Central de Relacionamento com o Cliente que teremos um preço especial.

E se a gestante ainda não assinou o contrato e se decidir de última hora?

Aconselhamos sempre o contato antecipado para preparação de toda a documentação. Caso não seja possível, ligue para nossos telefones de urgência, solicite a coleta, e assim que o profissional chegar ao local, com o KIT de COLETA, o pai deverá assinar um TERMO DE RESPONSABILIDADE. O profissional capacitado ficará responsável pela coleta e transporte do material até o CCB.

A coleta do sangue e tecido do cordão umbilical pode ser realizada em qualquer maternidade?

O CCB conta com uma rede de coletores capacitados que realizam a coleta do sangue e tecido de cordão umbilical em todas as maternidades do país. 

A quantidade de CTH extraídas do sangue de cordão umbilical é suficiente para realizar um tratamento?

O sangue periférico e a medula óssea são fontes de CTH que permitem a realização do procedimento de coleta mais de uma vez do mesmo paciente e são realizados de forma rotineira nos hospitais, permitindo a obtenção de material suficiente para tratamento. Já o sangue do cordão umbilical é uma fonte de CTH de coleta única. Desta forma, o momento da coleta é muito importante para a obtenção da quantidade máxima de material para tratamento e o CCB conta com profissionais amplamente treinados para este momento único. 

Central de Atendimento:
Telefone: (11) 3057-0510 | DDG: 0800.770.1112 | E-mail: ccb@ccb.med.br
Av. Brasil, 332 - Jd. América | São Paulo/SP - CEP 01430-000